Depressão

Todos nos sentimos tristes de vez em quando. Muitas vezes, isso diminui rapidamente e voltamos a nos sentir como sempre. Para algumas pessoas, no entanto, esse mau humor persiste e afeta a vida cotidiana.

Depressão é uma condição de saúde mental que faz você se sentir pra baixo por um período prolongado. Você pode ter que se esforçar para realizar as atividades diárias e/ou perder o interesse nas atividades que costumava achar divertidas.

Depressão é comum. Segundo a Mental Health Foundation, é o problema de saúde mental predominante em todo o mundo, seguido por ansiedade, esquizofrenia e transtorno bipolar.

Felizmente, existem muitas opções de tratamento disponíveis. Aqui, veremos como a depressão pode nos afetar e como a hipnoterapia pode ajudar.



O que é depressão?


Depressão é quando você se sente triste por um longo tempo, dificultando a realização de suas atividades cotidianas habituais. A condição pode afetá-lo de diferentes maneiras e pode ser leve, grave ou em algum lugar intermediário. O nível de gravidade dependerá de quanto a depressão está interferindo em sua vida.


Existem também diferentes formas de depressão:

Transtorno afetivo sazonal (SAD) | É quando a depressão afeta você em determinadas épocas do ano.

Distimia | É quando você tem depressão leve continuamente por mais de dois anos e também pode ser chamado de depressão crônica ou transtorno depressivo persistente.

Transtorno bipolar | É quando você experimenta mínimos e máximos extremos (conhecidos como episódios maníacos).

Depressão pré-natal | É quando a depressão acontece durante a gravidez.

Depressão pós-natal | É quando a depressão ocorre depois de um bebê. Geralmente afeta a mãe, mas os pais também podem experienciar.


Existem vários sintomas e sinais diferentes de depressão. Você pode não ter todos eles, mas é importante procurar um médico se estiver com sintomas durante a maior parte do dia, por mais de duas semanas.


Você tem algum desses sinais de depressão?

  • Você está sempre de mau humor, se sente triste e /ou irritado(a)

  • Falta de energia

  • Perda de interesse ou prazer em atividades que você costumava desfrutar

  • Dificuldade de concentração

  • Se sente cansado(a) mais facilmente

  • Baixa auto-confiança

  • Hábitos de sono diferentes (dificuldade em dormir ou dormir mais que o normal)

  • Hábitos alimentares diferentes (comer mais ou menos que o normal)

  • Se sente culpado(a) ou sem valor

  • Você pode achar que está facilmente irritado ou tem a sensação de estar entorpecido com tudo.

  • Você pode perder o interesse pelo sexo e ter pensamentos de auto-mutilação ou mesmo suicídio.

Conversar com alguém sobre como você se sente é o primeiro passo e a melhor maneira de começar a se sentir melhor.

Por que estou deprimido?


As causas da depressão diferem de pessoa para pessoa. Frequentemente, os motivos são complexos e podem haver vários fatores em jogo. Algumas das causas mais comuns, porém, incluem:


Experiências da infância


Certas experiências na infância podem torná-lo mais vulnerável à depressão quando adulto. Você pode ter sofrido trauma, abuso, luto ou até ter um ambiente familiar instável. Todas essas situações podem afetar sua saúde mental e aumentar a probabilidade de você sofrer de depressão.


Eventos da vida


Em alguns casos, a depressão pode ser desencadeada por um evento específico. Você pode ter encerrado um relacionamento, perdido alguém próximo a você ou perdido seu emprego. Mudanças importantes na vida, como mudança, casamento e mudança de emprego, também podem levar à depressão.


Problemas de saúde mental ou física


Às vezes, outras condições de saúde mental podem causar depressão. Ansiedade, distúrbios alimentares e transtorno de estresse pós-traumático são algumas das condições mais comumente relacionadas. Se você luta com sua saúde física ou se tem dor crônica, também pode achar que isso afeta seu humor e desencadeia depressão.


Fatores genéticos


A causa da depressão pode estar ligada a fatores genéticos e biológicos, ou pode ser devido a comportamentos aprendidos.


Abuso de substâncias


Beber ou usar drogas pode parecer uma boa maneira de se sentir melhor, mas muitas vezes podem piorar sua saúde mental.


Estilo de vida


Certas mudanças no estilo de vida podem afetar seu humor, incluindo o quanto você dorme, o que come e a quantidade de atividade física que realiza. Embora esses fatores por si só não causem depressão, eles podem aumentar a probabilidade de desenvolvê-la.


Outras causas


Alguns efeitos colaterais de medicamentos incluem depressão e alguns problemas físicos de saúde (como problemas hormonais) podem causar depressão. Certifique-se sempre de visitar seu médico para obter um diagnóstico e verificar as causas subjacentes.



Tratamento para depressão


Dependendo da gravidade da sua depressão e das suas circunstâncias pessoais, o seu médico pode sugerir diferentes opções de tratamento. Existem muitas rotas disponíveis e é importante saber que a ajuda está disponível. Se uma abordagem não parecer útil, explore outra.



Hipnoterapia para depressão


Um dos tratamentos para gerenciar e superar a depressão é a hipnoterapia. Essa abordagem funciona no nível subconsciente, usando técnicas para identificar e abordar as causas principais, oferecendo sugestões positivas para quebrar os padrões de pensamento negativo.

Em vez de tratar os sintomas da depressão, a hipnoterapia visa combater o que desencadeia a depressão, para que você possa desfazê-la e seguir em frente.

A hipnoterapia funciona para a depressão, porque tem como alvo a base subjacente da depressão e completa os “negócios inacabados” que, de outra forma, continuam a ser reciclados como pensamentos e comportamentos de sabotagem automática. Com a hipnoterapia, a pessoa pode se aprofundar em suas experiências traumáticas, memórias e emoções armazenadas, o que significa que pode liberá-las rapidamente da mente e do corpo.

Quando a causa raiz da sua depressão foi abordada, técnicas de sugestão podem ser usadas para incentivar uma mentalidade mais positiva. Essas sugestões podem ajudar com baixa energia, dificuldades para dormir e ajudá-lo a se sentir mais como você.

Se você estiver recebendo tratamento de psicoterapia, informe seu médico se estiver pensando em hipnoterapia também. Alguns terapeutas não gostam de usar mais de uma abordagem ao mesmo tempo, enquanto outros acreditam que a hipnoterapia complementa outras abordagens.

O importante é que você encontre uma abordagem que funcione para você. Lembre-se de que todos são diferentes e não há problema se o que funciona para uma pessoa não funciona para você.


Se os sintomas da sua depressão estão atrapalhando sua vida agende sua consulta conosco aqui.
Sua tristeza piorou e você não sabe se vai aguentar? Mande uma mensagem ou ligue aqui, um dos nossos hipnoterapeutas vai te ajudar com urgência via Videoconferência ou presencial. Casos urgentes não precisam de agendamento.

#hipnoterapia #hipnose #depressao #hipnoseclinica #saude #saudeemocional #tristeza

20 visualizações